Seguidores

Reflexão - O Amor

O texto de 1 Coríntios 13 é muito conhecido, muito famoso! Fala sobre o AMOR.
Esse capítulo já foi tema de milhares de sermões e canções, porém acredito que, como uma boa parte dos textos conhecidos, pouco se estuda dele, já que, afinal, “o conhecemos de cor”.
Há algum tempo atrás estava lendo esse capítulo e percebi que Deus identifica ali VÁRIOS perfis de cristãos, várias identidades de cristãos. Muito provavelmente você se enquadre em algum desses perfis:
– “Ainda que eu fale as línguas dos homens e dos anjos, (…) Ainda que eu tenha o dom da profecia (…)” (versos 1 e 2): Acredito eu que Paulo fala aqui daqueles que buscam com fervor as experiências sobrenaturais com Deus, aqueles que buscam os dons de Deus, como o falar em línguas, como o profetizar alguma palavra revelada a algum irmão, etc.
– “(…) e saiba todos os mistérios e todo o conhecimento, e tenha uma fé capaz de mover montanhas, (…)” (verso 2): Acredito que Paulo aqui identifica aqueles que buscam mais conhecer os mistérios de Deus e de Sua Palavra, desejam o CONHECIMENTO. A fé vem pelo ouvir da Palavra de Deus, vem de conhecer a Palavra de Deus, então acredito que Paulo aqui identifica aqueles que não buscam tanto os DONS, mas buscam acima de tudo conhecer os mistérios e as Palavras de Deus, e que optam por exercer a FÉ no que conhecem de Deus e no que conhecem da Palavra.
– “Ainda que eu dê aos pobres tudo o que possuo e entregue meu corpo para ser queimado, (…)” (verso 3): Acredito que aqui Paulo identifica aqueles que preferem AGIR. Estes não buscam tanto experiências sobrenaturais ou conhecer a Palavra de Deus, como os dois descritos acima, mas são conhecidos por suas ATITUDES, procura se doar em PRATICAR aquilo que conhece da Palavra. Estes provavelmente não consegue ficar muito sentados no banco, eles preferem agir e ajudar a mudar o mundo.
Agora pense comigo… você não se encaixa de maneira mais forte em algum desses 3 perfis? E seja sincero comigo e com você… você não olha de um jeito “diferente” aqueles que tem perfis “diferentes” do seu?
Quantas vezes já vimos “pentecostais” criticando “tradicionais”, ou “tradicionais” criticando “os pentecostais”, ou pessoas de atitude criticando os “pentecostais” e “tradicionais, e vice-versa? (Sim, estou “generalizando” e “nomeando” os perfis em termos bastante gerais, mas apenas para facilitar o entendimento rs)
Acredito que o que Paulo quer nos ensinar aqui é que NÃO IMPORTA qual seu perfil, ele DE NADA VALE se você não tiver amor. De nada vale ser “pentecostal” se não tiver amor aos outros. De nada vale ser “tradicional” se não tiver amor aos outros. De nada vale ter atitude se isso não for motivado por amor (sim, porque você há de ser sincero comigo, que muitas ATITUDES são motivadas por um orgulho interno, ou um desejo de se sentir superior, ou mais “eficiente” que o outro).
O “pentecostal” que busca o sobrenatural, fala em línguas e recebe profecias, se não tem amor, não causa diferença alguma ao seu redor, ele só faz barulho, é como um sino.
O “tradicional” que busca ser conhecedor dos mistérios e da Palavra de Deus, se não tem amor, não é NINGUÉM. Tudo o que ele conhece se torna em NADA.
O cara de atitude que busca AGIR pra mudar o mundo, se não tiver a sua motivação no AMOR, vai agir em vão, suas atitudes de nada valerão.
Acredito que uma das coisas que Paulo quis dizer nesse início de capítulo é: não importa seu perfil, importa sua MOTIVAÇÃO. Não importa tanto seu perfil, quanto importa a MOTIVAÇÃO para você ter esse perfil.
Qual sua motivação para buscar os dons de Deus? Qual sua motivação para buscar falar em línguas? Qual sua motivação para buscar profecias? Qual sua motivação para buscar conhecer os mistérios de Deus? Qual sua motivação para crescer no conhecimento de Deus e da Palavra? Qual sua motivação para agir? Qual sua motivação para ajudar os pobres, ou para doar seu corpo pra boas obras?
Acredito que a resposta está até antes de Paulo identificar todos esses perfis. A resposta está no capítulo 12, versículo 31: “Passo agora a mostrar-lhes um caminho ainda mais excelente”.
No capítulo 12 Paulo discutiu a respeito dos dons espirituais, que por natureza nos chamam muito a atenção! E no finalzinho ele dá a dica, o caminho que ele considera MAIS EXCELENTE para que os dons se manifestem! Esse caminho é o AMOR.
Não importa seu perfil de cristão. Importa que a MOTIVAÇÃO que faz você ter esse perfil seja o AMOR.
Dá pra falar MUITO mais coisa nesse sentido, mas acho que deu pra entender um pouco rs… se não der depois eu tento colocar em outras palavras novamente.
Que Deus nos abençoe!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Popular Posts