Seguidores

A fragilidade das cidades paraenses

Resultado de imagem para assaltos a bancos
As cidades do estado do Pará são frágeis demais quando se refere ao crime mas precisamente a assaltos aos bancos privados e públicos.

Desde 2012 os bancos são assaltados facilmente pelos bandidos que adoram assaltar os bancos paraense e principalmente nas cidades do Sudeste do Pará onde quase não se ver policiais militares.

Andando por algumas cidades do Sudeste paraense em especial Bannach, Água Azul do Norte, Floresta do Araguaia, Bom Jesus do Tocantins, Ourilândia do Norte, Canaã dos Carajás, Pau D'Arco, Eldorado dos Carajás e Curionópolis, entre outras que no máximo são 10 policias para dar cobertura a população, isso é brincadeira, fora os policiais das mesmas não estão fortemente armados como os bandidos.

Esses bandidos não querem mais trabalhar, acharam no assalto aos bancos um meio de sobrevivência nem que para isso possam a vir morrer num eventual confronto com os policiais.

Triste realidade aos moradores dessas cidades que não tem segurança nenhuma num estado onde a bandidagem reina e vem reinando a um certo tempo sem sofrer danos algum. Esses bandidos sabedores da situação financeira em que vivem, começam a assaltar de uma maneira natural.

A população precisa se manifestar pedindo mais segurança para viver mais tranquilo e livre desses bandidos que não querem mais trabalhar e sim assaltar.

Triste realidade.    

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Popular Posts