Seguidores

‘Economistas não vão resolver o problema’, disse Lula a Temer


Ao iniciar um novo processo de diálogo, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva aproveitou a conversa no Hospital Sírio-Libanês nesta quinta-feira para dar conselhos de governo ao presidente Michel Temer. Disse que não se pode fazer uma reforma da Previdência em período de recessão econômica e lembrou que, quando tentou estabelecer mudanças nesse sentido em seu governo, acabou ocorrendo, por exemplo, a criação do PSOL, um partido que surgiu de diversas dissidências do Partido dos Trabalhadores.

Lula também destacou a necessidade de despertar o mercado consumidor. O ex-presidente classificou ainda como uma “imoralidade” as taxas de juros praticadas no Brasil.

Não são economistas que vão resolver o problema do Brasil. Temos que resolver pela política, temos que conversar — afirmou Lula.

O ex-presidente disse a Michel Temer que lhe telefonasse quando quisesse conversar. Segundo relatos de quem esteve próximo aos dois, Temer disse, durante a visita, que iria procurá-lo agora que o primeiro contato foi restabelecido no hospital.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Popular Posts